Matias Barbosa

  • 13.435 Habitantes

Situada na região do Vale do Rio Doce, a 271 km de capital mineira, Matias Barbosa possui grande relevância no cenário histórico nacional por integrar as cidades que faziam parte do Caminho Novo.

A cidade abriga um grandioso acervo histórico, como a Capela do Rosário, tombada pelo IPHAN. Remanescente da Fazenda Nossa Senhora da Conceição do Caminho Novo, a capela chegou a acolher alguns inconfidentes mineiros em meados de 1789. O famoso Casarão Antigo é datado em 1850 e resguarda, nos dias atuais, um belo antiquário.

Entre os demais encantos da cidade, destaca-se o Labirinto dos Túneis, maior atrativo turístico da cidade. Até hoje não se sabe ao certo a sua finalidade, somente que foi construído na mesma época da igreja.


Labirinto de Túneis
Capela do Rosário - Matias Barbonsa
Represa Monte Alegre
Compartilhe esta página:

ATRATIVOS

Labirinto de Túneis


Localizado embaixo da Capela do Rosário, é o maior atrativo turístico do município. Até hoje ainda não se sabe ao certo sua finalidade, mas foi construída na mesma época da Igreja. É um vestígio da Estrada Real. 

Memorial Histórico Cultural

Localizado na Câmara Municipal de Matias Barbosa, o Memorial Histórico Cultural do Legislativo Municipal de Matias Barbosa foi inaugurado, no ano de 2018, com o objetivo de resgatar o legado cultural da cidade, sob a ótica do Poder Legislativo.

Os visitantes vão encontrar uma exposição de longa duração que conta a história da cidade desde seu surgimento, junto à abertura do Caminho Novo, até a emancipação política do município. Fotografias, peças de colecionadores particulares e da Câmara Municipal de Matias Barbosa permeiam séculos de história. A exposição conta ainda com reproduções de acervos de outras instituições que retratam a cidade em diversas épocas.

Capela do Rosário

A capela é remanescente da Fazenda de Nossa Senhora da Conceição. O local foi um pólo irradiador do povoado criado junto ao registro do Caminho Novo, onde se cobravam impostos e taxas da estrada sobre o ouro e os diamantes vindos de Minas Gerais para o Rio de Janeiro.

Na fazenda ficaram hospedados alguns dos inconfidentes de 1789 sendo este episódio inspirador da tela A Jornada dos Mártires, pintada por Antônio Parreiras a qual retrata os Inconfidentes passando por Matias Barbosa, tendo a capela ao fundo.
Mais

serviços

Prefeitura:
(32) 3273-5500

Site:
www.matiasbarbosa.mg.gov.br