Itabira

  • Cidade do Ferro
  • 116.745 Habitantes

Localizada no centro sul de Minas Gerais, Itabira é muito conhecida por "Cidade do Ferro" por ter sido local de origem da Companhia Vale do Rio Doce, em 1942. Terra natal do poeta Carlos Drummond de Andrade, a cidade também é citada como "Cidade da Poesia".

A cerca de 100 km de Belo Horizonte, o município resguarda a Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço. Reconhecida pela UNESCO, a reserva é uma importante área de proteção do Brasil que passou a integrar uma rede de mais de 400 reservas de biosfera em 100 países.

Eventos e espaços culturais como o Memorial Carlos Drummond de Andrade, desenhado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a Casa de Drummond e a Fazenda do Pontal fazem parte dos atrativos turísticos que recordam vida e obra do poeta. Os Caminhos Drummondianos são um percurso interpretativo que levam o turista a traçar um percurso cheio de poesia.

Cachoeiras, trilhas, morros e até uma rampa de voo livre fazem parte das atrações da cidade, proporcionando, além de um contato direto com a natureza, a prática de esportes radicais.

Itabira ainda reserva um belíssimo conjunto arquitetônico, marcado por construções dos séculos 18 e 19, como a Capela de São José.

Memorial Carlos Drummond de Andrade
Compartilhe esta página:

ATRATIVOS

Capela de São José

A capela foi construída por volta de 1860, com características coloniais em estrutura autônoma em madeira e vedação em adobe e pau-a-pique sobre embasamento em pedra.

No interior da capela, uma inscrição na Fundição do sino de São Paulo, datada de 1727, tem o nome de Padre Santos Saez Achá, pároco responsável pela capela de 1923 a 1940. Localizada no povoado da serra dos Alves a 15 Km do distrito de Senhora do Carmo.

Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço

Reserva da Biosfera é o nome dado a porções de ecossistemas terrestres ou costeiros onde se procuram meios de reconciliar a conservação da biodiversidade com seu uso sustentável.

As propostas são feitas por países membros da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), e se aprovadas são reconhecidas internacionalmente.

A origem das reservas esteve na “Conferência sobre a Biosfera” organizada pela Unesco em 1968, que foi a primeira reunião intergovernamental a tentar reconciliar a conservação e o uso dos recursos naturais, fundando o conceito presente de desenvolvimento sustentável.

O programa “Homem e Biosfera” foi lançado pela Unesco em 1970, com o objetivo de organizar uma rede de áreas protegidas (Reservas da Biosfera) que representam os diferentes ecossistemas do globo, e cujos países membros se responsabilizam em mantê-las e desenvolvê-las.

Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos

Erguida no final do século XVIII, sua construção tem estrutura independente de madeira, vedada em barro ela não apresenta a divisão entre a nave e o altar mor.

A ermida faz parte do museu de Território Caminhos Drumondianos com as placas - Poema: Pintura de Forro, Cemitério do rosário e os Gloriosos. 
Mais

dicas

Itabira se destaca por ser um importante polo minerado do Estado, entretanto, são inúmeras as atrações turísticas presentes no município, como, a Serra dos Alves. No mirante, os visitantes têm uma maravilhosa vista de toda região, excelente para fotografias.

Outro atrativo é o Museu Carlos Drummond de Andrade, inaugurado em 31 de outubro de 1998, o Memorial conta a história do maior poeta do Brasil. Está localizado em um dos pontos mais altos de Itabira, de onde se tem uma visão privilegiada de toda cidade. Com o projeto desenvolvido por Oscar Niemeyer, grande amigo do poeta, o Memorial por si só já é uma obra de arte que merece ser visitada.

Além disso, ele abriga um grande acervo sobre a vida de Drummond, doados pela Fundação Cultural do Banco do Brasil, pela biblioteca da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade, familiares e amigos. Fazem parte do acervo a primeira máquina de datilografia do poeta-cronista, uma coleção de cartas, recebidas de grandes autores e familiares, prêmios literários e obras de arte feitas em sua homenagem.

Além disso, o centro histórico de Itabira, formado por lindos casarões e sobrados do século 18 e 19, tem um diferencial em relação aos de outras cidades, pois suas formas construtivas são sobre embasamentos de pedras e baldrames com vedação em pau-a-pique e adobe.

serviços

Prefeitura
(31) 3839-2000

Secretário de Turismo
(31) 3839-2525 / (31) 3839-2310

Site
www.itabira.mg.gov.br