CAMINHO DOS
DIAMANTES

EM 1729,

as pedras preciosas de Diamantina ganharam destaque nas economias brasileira e portuguesa. O Caminho se destaca por suas belezas naturais de tirar o fôlego e seus recantos repletos de histórias, além de possuir uma gastronomia singular.
CASA
CHICA DA SILVA

A tradicional construção do século 18 foi residência de Chica da Silva, escrava alforriada que alcançou prestígio na sociedade mineira – algo impossível para uma negra naquela época.

DESCUBRA
MERCADO
VELHO

Em Diamantina, o mercado já foi local de comercialização das mercadorias trazidas pelos tropeiros. Hoje, é um ponto de encontro que reúne artesanato e comidas típicas da região.

DESCUBRA
MINA
DO CHICO REI

A escavação subterrânea está aberta para visitação e conta a história de um escravo que conseguiu comprar sua própria carta de alforria com o ouro que escondia entre os cabelos.

DESCUBRA
O viajante percorre:
395 km
na companhia da Reserva da Biosfera
da Serra do Espinhaço e de suas paisagens exuberantes.

TEMPO DE VIAGEM

8 dias
27 dias
4 dias
14 dias
26%
asfalto
0,5%
de trilha
73,5%
estrada de terra
Dos 395 km | 178,3
são subidas e descidas.

Ir de Diamantina a Ouro Preto exige menos esforço físico do que o caminho contrário.

SERRA DO
ESPINHAÇO

Caminho dos Diamantes segue ao longo da Serra do Espinhaço, considerada reserva da biosfera pela Unesco desde 2005.

DESCUBRA